Facebook
Instagram
Linkedin
Email

Martelo Rompedor vs. Perfuratriz: escolhendo a ferramenta certa para sua obra

Martelo Rompedor vs. Perfuratriz: escolhendo a ferramenta certa para sua obra

 

Por Gabrielle Dantas, colunista, graduada em Engenharia de Materiais pelo Cefet/MG

obs.: imagem meramente ilustrativa

Optar pelo serviço de perfuração com o uso da perfuratriz em vez do uso de um martelete, por exemplo, pode ser a melhor opção para sua obra. Tanto o martelo rompedor quanto a perfuratriz são ferramentas projetadas para perfurar ou quebrar materiais duros, todavia elas têm diferenças significativas em termos de funcionalidade, aplicação e modo de operação. Quando se trata de realizar cortes em concreto ou cortes e furos em concreto, a escolha da ferramenta certa é determminante para garantir a eficiência e qualidade do trabalho.

Diferenças entre Martelo Rompedor e Perfuratriz:

O martelo rompedor tem ação de impacto direto para quebrar ou romper o material (geralmente, possui uma ponta ou cinzel que bate repetidamente contra a superfície), enquanto a perfuratriz combina rotação com uma ação de impacto para perfurar materiais duros. Essa diferença no modo de operação influencia diretamente na eficiência e na precisão do trabalho, especialmente em projetos que demandam cortes em piso de concreto ou furos em concreto em locais como BH. 

Outro ponto: as perfuratrizes tendem a ser mais rápidas para fazer furos em materiais como concreto, alvenaria e pedra, devido à sua capacidade de rotação e percussão simultâneas. Isso as torna ideais para trabalhos que demandam rapidez e eficiência na perfuração, como reformas em laje.

Quanto aos furos, a perfuratriz oferece maior precisão ao fazê-los, o que é fundamental em projetos que exigem medidas exatas ou em que a precisão é determinante. Essa precisão é alcançada devido à combinação de rotação e percussão controlada da broca, sendo essencial em serviços como remoção de laje ou serviço de furo em concreto.

Em alguns casos, o uso da perfuratriz pode gerar menos poeira do que o uso do martelo rompedor, o que pode ser uma consideração importante, especialmente em ambientes fechados. Isso pode contribuir para uma atmosfera de trabalho mais limpa e saudável, beneficiando serviços como.

Geralmente, os martelos rompedores utilizados para estruturas mais espessas são mais pesados e robustos do que as perfuratrizes. Isso pode impactar na facilidade de manuseio e na capacidade de lidar com materiais mais resistentes.

Porém, e é importate deixar claro quando for optar por ferramentas elétricas  ou locação de equipamentos para construção civil, que o martelo rompedor pode ser mais apropriado para quebrar ou demolir grandes áreas, enquanto a perfuratriz é mais adequada para trabalhos que demandam precisão e versatilidade, como fazer furos em materiais duros. 

No entanto, é importante observar que em alguns casos, um martelo pode ser mais apropriado, por exemplo, ao lidar com materiais que não respondem bem à perfuração rotativa. Essa escolha depende do tipo de trabalho que será realizado e das características específicas do material a ser perfurado. Isso, sem dúvida, ditará a necessidade do projeto. Se a tarefa envolve principalmente quebrar ou demolir grandes áreas, um martelo rompedor pode ser mais apropriado. Se a precisão e a versatilidade são importantes, uma perfuratriz pode ser a melhor opção.

 

 

 


Tem enfrentado problemas em sua obra? Assine nossa newsletter e saiba como podemos ajudá-lo (a)

Newsletter
chamar no WhatsApp
chamar no WhatsApp
Comercial Rentalfuros www.rentalfuros.com.br Online
Fale com a gente pelo WhatsApp
×